Cammino Digital

2 fatos sobre porque alguns e-commerces dão certo e outros não

Você resolve iniciar no e-commerce, já se equipou com softwares e estrutura, fez tudo o que precisava, montou aquele estoque honesto, revisou as políticas de frete, atendimento e cobrança. Mas espera aí! Você considerou a verba para publicidade? Qual seu conhecimento sobre marketing digital? Existem 2 fatos que são fundamentais para o seu e-commerce dar certo: Saber o quanto investir em marketing e saber como fazer marketing digital.

Esses são dois problemas comuns de planejamento que alguns empreendedores não consideram ao abrir um e-commerce, e são também itens fundamentais para um varejista progredir.

Fato 1: Quanto investir em marketing para o e-commerce?

Para um e-commerce de porte médio, uma verba em torno de 5% a 10% do faturamento total é considerada saudável, exceto em lançamentos, datas comemorativas e promoções especiais, onde esse valor pode facilmente superar a sua média.

Mesmo em tempos de instabilidade econômica, o investimento em publicidade online pode movimentar R$10,4 bilhões até o final do ano, segundo pesquisa da IAB Brasil (Interactive Advertising Bureau). As empresas aproveitam o cenário para mostrar algum diferencial, investem em tecnologias que reduzem os custos e aceleram a distribuição do conteúdo publicitário. A previsão para este ano é que os investimentos em mídia digital, anúncios e links patrocinados, seja 12% maior do que o valor movimentado no ano passado (R$ 9,3 bilhões) e 25% maior do que em 2014(R$ 8,3 bilhões).

Para e-commerces menores ou que estão iniciando a sua operação, é normal ter uma verba maior a ser investida. O valor vai também variar de acordo com o seu segmento.

Fato 2: Como fazer Marketing Digital para o e-commerce

Além de verba para as campanhas, conhecimento em marketing digital também é indispensável para atingir bons resultados, ter um ótimo desempenho nas campanhas e bater as metas de faturamento.

Existem várias estratégias de marketing digital que se bem utilizadas, te colocam em contato com o seu público ideal. Algumas delas são:

Para que estas estratégias sejam mais efetivas, faça um planejamento em 4 etapas e acompanhe de perto os resultados. O processo não é complexo mas vai demandar tempo e uma boa dose de atitude.

Bônus: Invista em automação de marketing

A automação de marketing é uma tendência e realidade para muitos varejistas, independente do porte. Pra que suas ações sejam mais efetivas e você atinja em cheio as preferências do seu cliente, invista em automação de marketing para seu e-commerce, pois é praticamente impossível criar manualmente campanhas que satisfaça cada um dos seus clientes.

O Gokeep é uma, entre outras, das soluções viáveis para criar emails segmentados de acordo com a intenção de cada cliente. Identificar as oportunidades perdidas, como os carrinhos que são abandonados, e criar formas de recuperá-los é um dos fatores que podem elevar a sua taxa de conversão e aproveitar melhor todo o seu investimento em aquisição de tráfego. Aliás, você pode experimentar por 30 dias gratuitamente. Gokeep – automação e remarketing para ecommerces: Peça a sua adesão gratuita.

A falta de experiência em marketing digital as vezes pode limitar suas ações e fazer seu e-commerce ter pouco retorno. Pra evitar os baixos números, considere contratar uma agência especializada que te dará todo o suporte estratégico e operacional para o seu negócio. Aqui no blog já escrevi sobre como escolher uma boa agência de marketing digital, acompanhe as 6 dicas e conte com a ajuda profissional para colocar seu e-commerce na trilha do sucesso.

Se este conteúdo te ajudou de alguma forma, curta este artigo e compartilhe pra que mais empreendedores aumentem suas chances de sucesso em seus negócios!

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Share on LinkedIn0
publicado por Renato Cruz em 15 jul 16