Cammino Digital
black-friday-2016

Black Friday 2016: Já está tudo no jeito?

A Black Friday, uma das principais datas e mais esperadas pelo comércio está chegando! Seu e-commerce está preparado para o volume esperado de vendas?

Separamos algumas dicas de como se preparar para as vendas nesses dias, chega mais!

Há mais de 80 anos a Black Friday foi criada nos Estados Unidos, para que os varejistas pudessem queimar seus estoques antes de começarem a repor seus produtos para próximo ano. No entanto, tecnologia evoluiu e a Black Friday invadiu também os e-commerces, aumentando o consumo e dando oportunidade de mais compradores terem acesso aos produtos em promoção.

No Brasil, a data chegou um pouquinho mais tarde e começou a funcionar de uma forma diferente, começou no meio digital e depois foi para as lojas físicas, onde hoje marca a largada para uma alta temporada de compras. Hoje a Black Friday é uma das principais datas do e-commerce brasileiro!

Como dissemos em um outro post sobre estatísticas de e-commerce, mesmo com esse período de crises e incertezas econômicas, as vendas através de lojas virtuais continuam crescentes, porém com uma diferença: as pessoas compram de forma mais consciente e após muitas pesquisas e não mais motivadas por impulso!

Em “tempos de crise” as pessoas buscam pelo melhor custo, mas não deixam de comprar!

estatísticas black friday

Dados fornecidos pelo Google apontam que tem crescido o volume de buscas por “Black Friday 2016” e que o consumidor está esperando pelos descontos que a data oferece para comprar.

Estatísticas da Black Friday

Em 2015, a Black Friday atingiu a quantia de R$ 1,6 bilhão, seu maior faturamento desde que foi inserida no e-commerce brasileiro. Isso representou um crescimento de 38% em relação a 2014, quando chegou ao faturamento de R$ 1,16 bilhão.

Planejamento para 2016

Para que tudo saia da melhor forma possível e seu e-commerce obtenha ótimos resultados, você deve se preparar para alguns pontos críticos:

Servidores

Ter um servidor preparado para o aumento do tráfego, que tenha estrutura escalável e aloque mais recursos automaticamente de acordo com o pico de acessos é fundamental.

Provavelmente você também terá aumento de custos, mas é um investimento que vale a pena, pois estatísticas apontam que a sua taxa de conversão pode cair em 10% para cada segundo em tempo de carregamento, então não despreze esta questão.

Equipe

Manter uma equipe disponível e treinada para tirar dúvidas e dar atendimento é um fator importantíssimo, pois pode ser através da Black Friday a primeira compra do cliente. E a primeira impressão você já sabe… É a que fica.

É importante também deixar clara e revisar a política de troca, devoluções e prazos de entrega. Atendimento bem treinado nunca será demais.

Gestão do estoque

O controle de estoque também é imprescindível! Não pega nada bem vender algo que não tem para entregar. O Brasil já deu umas escorregadas com preços nada promocionais e atrasos absurdos nas entregas e a data foi chamada de “Black Fraude”.

É necessário fazer tudo da forma mais transparente possível para não se enquadrar entre os despreparados.

Aumento de verba

Se você investe em campanhas nas ferramentas de busca, como Adwords ou Bing Ads, é importante também dar um aumento na verba dessas mídias para cobrir o volume de pesquisas sobre o tema que a loja atende.

Saiba se comunicar

Preparare a comunicação: Seja criativo, envie e-mails avisando quais dos seus produtos estarão em destaque para gerar expectativa no cliente, crie banners no seu e-commerce alertando para as ofertas imperdíveis, faça ações nas mídias sociais que divulguem e gerem engajamento do público.

Crie alguns teasers das ofertas que serão destaque no seu e-commerce na Black Friday, assim, o comprador terá interesse em ser o primeiro a visitar seu site para aproveitar as promoções no dia.

Descontos verdadeiros

E para fechar, obviamente, dê descontos de verdade. Analise os itens que permitem trabalhar com uma margem menor, assim como os produtos que estão “encalhados” e chegue o desconto neles!

Se você não tem muito de onde tirar para baixar o preço, proporcionando uma experiência Black Friday de verdade, não se arrisque ou então entre de forma moderada, sem fazer muito alarde.

Conclusão:

A Black Friday é uma excelente oportunidade, tanto para os compradores – que podem aproveitar preços promocionais para comprar os produtos que desejam – quanto para as empresas, que acabam tendo a chance de movimentar seus estoques e fazer uma boa clientela nova.
Dia 25 de Novembro está chegando, seu e-commerce está preparado para alavancar as vendas na Black Friday? Ainda dá tempo, você tem um mês ainda para fazer pequenas adaptações que farão diferença no grande dia! Aproveite e corra atrás desses detalhes, depois nos conte quanta diferença fizeram.

Gostou do nosso conteúdo? Deixe-nos saber com um like aqui embaixo! Se existir um tema do qual você tem dúvidas ou curiosidade sobre e-commerce ou marketing, divida conosco, pode ser o tema do nosso próximo post. Comente!

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Share on LinkedIn0
publicado por Renato Cruz em 21 out 16