Cammino Digital

O Instagram não está entregando suas postagens?

Recentemente tem surgido diversos relatos de empresas, figuras públicas e digital influencers sobre a redução de entrega do Instagram. É fato que o alcance reduziu bastante e que isso gera desconfiança e causa medo em quem utiliza a rede como forma de trabalho ou para alavancar suas vendas, então vamos aos fatos.

O problema foi percebido a partir da 2 quinzena de fevereiro se intensificando em março e tendo seu pico por volta do dia 13 de março, dia que inclusive muita gente não conseguiu fazer postagens no Instagram ou Facebook e nem mesmo enviar arquivos pelo Whatsapp (Lembrando que Instagram e Whatsapp pertencem ao Facebook).

Foi então que diversos perfis começaram a circular postagens afirmando que o Instagram não estava entregando suas postagens a seus seguidores. E de fato isso foi percebido por diversos profissionais que atuam com o Instagram, não só por profissionais mas por usuários de maneira geral, inclusive especialistas monitoraram perfis de figuras públicas e puderam constatar e comprovar que o problema realmente estava ocorrendo conforme o site Down Detector também comprovou.

Mas e ai, o que o Instagram diz?

No dia 13 mesmo através de sua conta no Twitter o Instagram informou que essa queda na entrega e no número de seguidores foi causada por uma falha e que eles já estão trabalhando em uma solução.

Mas o que devo fazer?

Com certeza essa é a principal pergunta que todos que dependem do Instagram estão se fazendo. É importante levar em consideração que o algorítimo do Instagram não tem a estrutura de seu funcionamento revelada e não sabemos o que ele considera.

Mas vamos nos guiar pelo que temos percebido ao longo do tempo, o Instagram não tem como prioridade a ordem cronológica das postagens, ele cruza informações como com qual tipo de postagem o usuário mais engaja, qual a frequência de uso, quais “categorias” de conteúdo o usuário mais consome, o número de seguidores que o usuário possui, qual interação entre usuário e sua página (likes, comentários, marcação e etc.) e tamanho da concorrência pelo mesmo nicho. A soma desses fatores é o que vai determinar a entrega de uma página para o usuário, por isso é importante reforçar nesse momento as campanhas de interação e engajamento, fazendo com que os seguidores de fato se envolvam com seu conteúdo no Instagram.    

Um ponto relevante e muito comentado também é sobre a “limpeza” que o Instagram estaria fazendo em contas fakes, contas robôs e perfis que comercializam curtidas e seguidores, apesar de afirmar que trabalha constantemente para evitar esse tipo de atividade na rede, porém o Instagram não informou se isso pode ter colaborado na redução da entrega.

Share on Facebook0Share on Google+0Tweet about this on Twitter0Share on LinkedIn0
publicado por Rafael Bastos em 04 abr 19